Os benefícios do FGTS e PIS/Pasep são concedidos aos brasileiros com carteira assinada. Assim, para participar é necessário ter pelo menos 30 dias de experiência profissional, para ter um repasse mínimo para o fundo garantidor.

Nesse momento de crise econômica e sanitária, os benefícios são essenciais para as famílias brasileiras.

Porém, muitos não sabem como, onde e de que forma sacar o FGST e o PIS/Pasep. Vamos te ajudar.

 

Veja Também:

Requisitos para sacar o FGTS?

  • Efetuar o pagamento do imóvel financiado;
  • Término de contrato;
  • Empresa fecha ou vá a falência;
  • Quando a empresa é afetada por um desastre como enche ou incêndio;
  • Aposentadoria;
  • Demissão sem justa causa;
  • Aquisição da residência própria;
  • Quitar imóveis por meio do consórcio;
  • Trabalhador avulso está suspenso por mais de 90 dias;
  • Doenças graves;
  • Acordo de rescisão por ambas partes;
  • Pessoas que estão a mais de 3 anos desempregadas;
  • Morte do trabalhador.

Maneiras de aproveitar o FGTS

Atualmente, o FGTS possui uma forma de saída diferente. Foi aprovado pelo presidente Jair Bolsonaro, o modelo de saque aniversário, que permite aos titulares de fundos de garantia sacar de suas contas ativas e inativas.

O valor varia de acordo com o saldo total acumulado, o valor mínimo é de R$ 50 (cinquenta reais) e o máximo de R$ 2.900,00 (dois mil e novecentos reais). Para ter acesso ao benefício, o cidadão deve realizar o cadastro no FGTS..

É possível fazer tudo pelo celular, nos aplicativos disponíveis para Android e IOS, sendo possível pedir essa portabilidade.

Agora, em caso de desistência, o período mínimo de cumprimento de carência é de 2 anos, assim, as pessoas que fizeram o saque aniversário não terão rescisão de desemprego.

 

Como pode ser utilizado o Pis/Pasep?

O PIS/PAsep só pede ser retirado uma vez por ano, em datas pré-estabelecidas pelo Governo Federal.

Assim como o FGTS, para ter acesso ao PIS/Pasep, o cidadão precisa ter carteira assinada por pelo menos 30 dias.

Além do mais, para ter acesso a pessoa precisa ter sido contratado há 5 anos através do regime CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas), e ter um limite de pelo menos dois salários mínimos. Com os dados sempre atualizados.

Sabendo disso, também é importante saber que existe uma maneira para usar o abono através dos fundos do Pis/Pasep. 

Para saques, os valores são disponibilizados somente uma vez para as pessoas que tenham carteira assinada ao menos uma vez.

Para usar o PIS/Pasep é só efetuar a solicitação pelo Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal.

Saiba que esses benefícios são apenas para trabalhadores formais, ou seja, aqueles contratados em carteira de trabalho, ou aqueles que se enquadram nos requisitos. 

 

Saiba o calendário para sacar seu PIS/Pasep: